NOTÍCIAS | Não recebeu a restituição? Ainda dá tempo de entrar no último lote da Receita

Não recebeu a restituição? Ainda dá tempo de entrar no último lote da Receita

Imposto de Renda

Postado em 09-11-2009

Nesta segunda-feira (9), a Receita Federal abre a consulta para o sexto e penúltimo lote de restituição do IR 2009. Mais de 2 milhões de contribuintes estão na lista.

Para os que não receberam a restituição nem estão na lista do próximo lote, é natural a pergunta: o que pode ter acontecido? Caí na malha fina?

Duas opções
Para os contribuintes que têm direito à restituição, mas ainda não foram incluídos em nenhum lote, existem duas possibilidades:

    1 – o contribuinte ficou mesmo para o último lote, com pagamento marcado para o dia 15 de dezembro;

    2 – há alguma inconsistência na declaração, com risco de o contribuinte cair na malha fina.

Mas, como ter certeza, entre uma possibilidade e outra, para tentar resolver o problema a tempo de entrar no último lote de pagamento de restituição?

Ainda dá tempo, mas é preciso correr
De acordo com o gerente de tributos da Fiscosoft, Fábio Rodrigues, o contribuinte que perceber qualquer inconsistência em sua declaração deve enviar uma retificação o mais rápido possível para ter chances de entrar no próximo lote.

“Não existe um prazo para essa retificação para que a Receita processe a declaração até o pagamento do último lote, mas o ideal é tentar retificar o quanto antes”, explicou.

Para verificar se existe inconsistência, o contribuinte deve acessar, no site da Receita Federal (www.receita.fazenda.gov.br), a área que leva ao Extrato Simplificado do Processamento.

Neste espaço, o contribuinte pode checar a situação do documento para que, caso haja alguma pendência, possa retificar o documento com as informações corretas.

Em processamento
De acordo com o especialista, pode acontecer de o contribuinte entrar no extrato e encontrar apenas a informação de que a declaração está em processamento, ou seja, que ainda não foi analisada.

Neste caso, se o contribuinte tiver certeza de que não tem nenhuma inconsistência, deve esperar o lote de dezembro. “Com o atraso no pagamento das restituições, confirmado pelo ministro da Fazenda, muitos contribuintes ficaram para o final, mas não há com que se preocupar”, afirma Rodrigues.

Agora, caso não apareça pendência, mas o contribuinte saiba que cometeu algum erro, a dica de Rodrigues é, mais uma vez, fazer a retificação o mais rápido possível, se antecipando à análise da Receita, para não incorrer em multas e encargos.

Por: Patricia Alves
09/11/09 – 09h06
InfoMoney

http://www.evolucaocontabilidade.com.br/imposto_renda.php

Comments


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *